dragão e tigre

dragão e tigre - Dólar fecha perto da estabilidade, a R$ 1,883, maior patamar em 5 meses

Moeda abriu no campo negativo mas encerrou o dia com alta de 0,06%; Fomc e atuações do BaCen ganharam destaque

Equipe dragão e tigre

Publicidade

SÃO PAULO – O dólar comercial iniciou a sessão desta quarta-feira (25) no campo negativo, inverteu o sinal logo após o leilão de compra de dólares Banco Central no começo da tarde e encerrou o dia perto da estabilidade, com ligeira valorização de 0,06%, cotado a R$ 1,8835. Desta forma, a divisa norte-americana renova seu maior patamar desde 25 de novembro do ano passado, quando fechou cotada a R$ 1,8864.

O BaCen retomou suas atuações no mercado e realizou um leilão de compra de dólares no mercado à vista por volta das 12h00 (horário de Brasília), com taxa de corte de R$ 1,881. A autoridade monetária também divulgou que, na semana entre os dias 16 e 20 de abril, adquiriu US$ 4,383 bilhões por meio de seus leilões de compra da moeda realizados no mercado à vista. Com isso, o total comprado pela autoridade monetária no mês chegou a US$ 5,540 bilhões. Neste ano, as compras do BC já renderam US$ 9,406 bilhões às reservas do País.

No front internacional, destaque para o término da reunião do Fomc (Federal Open Market Committee), na qual foi mantida a taxa básica de juro entre 0% e 0,25%. O comunicado também ressalta que a economia está expandindo moderadamente, mesma avaliação utilizadano último anúncio.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Indicadores
Os investidores acompanharam a Nota de Política Monetária e Operações de Crédito publicada pelo Banco Central mostrando que o volume de crédito concedido em março avançou 1,7%.

Nos Estados Unidos, além do Fomc, foi divulgado o volume de pedidos e entregas de bens duráveis, o Durable Good Orders, que registrou queda de 4,2% durante o mês, frente às estimativas de um recuo de 1,7% no período. Também foi revelado o relatório semanal de estoques de petróleo no país, que avançou 1,1% na passagem semanal.

Dólar comercial, futuro e Ptax
O dólar comercial fechou cotado a R$ 1,8820 na compra e R$ 1,8835 na venda, leve alta de 0,06% em relação ao fechamento anterior. Com esta alta, o dólar acumula valorização de 3,14% em abril, frente à alta de 6,17% registrada no mês passado. No ano a valorização acumulada da moeda norte-americana já chega a 0,80%. 

Continua depois da publicidade

Na BM&F, o contrato futuro com vencimento em maio segue cotado a R$ 1,883, estável frente ao fechamento da última terça-feira. O contrato com vencimento em junho, por sua vez, atinge a marca de R$ 1,896, levemente acima do R$ 1,895 da última sessão.

O dólar Ptax, que referencia os contratos futuros na BM&FBovespa, fechou a R$ 1,8807, alta de 0,14% sobre a cotação de terça-feira, que foi de R$ 1,8780. 

Dólar pronto e FRA de Cupom
O dólar pronto, que é a referência para a moeda norte-americana na BM&F Bovespa, registrava R$ 1,8845000.

Por fim, o FRA de cupom cambial, Forward Rate Agreement, referência para o juro em dólar no Brasil, opera a 1,30 para junho de 2012.

dragão e tigre Mapa do site