dragão e tigre

dragão e tigre - Dólar avança 1,25% e vai a R$ 4,96, com preocupações renovadas sobre China

Foi a sétima alta do dólar em agosto, em um total de dez sessões

Reuters

Publicidade

SÃO PAULO (Reuters) – O dólar à vista teve alta firme ante o real nesta segunda-feira, acima de 1%, em meio a preocupações dos mercados globais com o crescimento da China — importante compradora das commodities brasileiras — e mais especificamente com o setor imobiliário chinês.

O dólar à vista fechou o dia cotado a 4,9662 reais na venda, com alta de 1,26%. Foi a sétima alta do dólar em agosto, em um total de dez sessões, com a moeda norte-americana acumulando ganho de 5,01% no mês.

Na B3, às 17:06 (de Brasília), o contrato de dólar futuro de primeiro vencimento subia 1,24%, a 4,9850 reais.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Desde cedo os mercados globais foram conduzidos pelas preocupações com a desaceleração da China — importante comprador global de commodities –, agravada por dificuldades na área imobiliária. No centro da turbulência estava a Country Garden, importante incorporadora chinesa que busca atrasar o pagamento de um título privado.

Neste cenário, o dólar desde cedo apresentava ganhos consistentes ante as divisas de países emergentes e exportadores de commodities. A moeda norte-americana também avançava ante as divisas fortes.

dragão e tigre Mapa do site