dragão e tigre

dragão e tigre - Caixa fecha acordo com Itaipu para financiamento de R$ 1 bilhão em obras

Financiamento de R$ 1 bilhão irá para projetos socioambientais em cidades que fazem parte da bacia incremental da usina

Estadão Conteúdo

Publicidade

A Caixa Econômica Federal (CEF) fechou nesta sexta-feira, 18, um acordo com Itaipu Binacional, a empresa que administra a usina hidrelétrica de Itaipu, para atuar no financiamento a projetos socioambientais em cidades que fazem parte da bacia incremental da usina. O valor envolvido, inicialmente, é de R$ 1 bilhão.

Os recursos virão de Itaipu, e o banco público fará a gestão e a operacionalização dos repasses através do Caixa Políticas Públicas, produto criado para dar assessoria técnica na implementação de políticas públicas em todo o País.

A assinatura do acordo foi realizada nesta sexta em Foz do Iguaçu (PR) pelo vice-presidente de Governo da Caixa, Marcelo Bomfim, pelo diretor-geral brasileiro da Itaipu, Ênio Verri, e por outras autoridades.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

O projeto deve beneficiar 434 cidades, sendo 399 no Paraná, e 35 no Mato Grosso do Sul.

Usina de Itaipu da Eletrobras (Foto: Divulgação)

“A parceria entre a Caixa e a Itaipu Binacional vai impulsionar o desenvolvimento sustentável da região e demonstra o compromisso do banco com a preservação do meio ambiente, aliada ao crescimento econômico responsável”, diz Bomfim, em nota.

O programa abrirá um edital para selecionar propostas que contenham ações voltadas à implantação de projetos socioambientais, e de acordo com a Caixa, estarão contemplados o saneamento ambiental, energia renovável, manejo de solo e água, além de obras sociais, comunitárias e de infraestrutura.

Continua depois da publicidade

Em energia renovável, serão custeados sistemas de geração fotovoltaica, com mais de R$ 170 milhões; outros R$ 184 milhões serão destinados ao saneamento ambiental; R$ 395 milhões irão para projetos de manejo de água e solo; e R$ 180 milhões, para obras sociais.

Os municípios terão até o dia 30 de setembro para cadastrar as propostas, e o resultado da seleção deve ser divulgado no final de outubro. A formalização dos instrumentos de repasse com a Caixa deve acontecer até 31 de dezembro deste ano.

dragão e tigre Mapa do site